23 de junho de 2021

Lavador de carro: PMs de RO estão sendo obrigados a lavarem viaturas e sem proteção individual

Diante dessa situação que está acontecendo em Vilhena a Associação estará ingressando com várias ações judiciais.

Conforme a Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia – ASSFAPOM, os Policiais Militares de Rondônia que estão trabalhando no serviço operacional de Rádio e demais serviços, estão sendo obrigados a lavarem as viaturas oficiais ao final do serviço, sem equipamentos de proteção individual e sem serem remunerados para esse tipo de serviço.

O presidente da Associação disse que a assessoria jurídica de Vilhena está fazendo todo levantamento das informações para que seja ingressado uma Ação Civil Pública, onde o Estado disponibilize os EPIs, pague o adicional de compensação orgânica e as horas trabalhadas a mais que os militares estão tendo que trabalhar para a lavagem das viaturas.

Diante dessa situação que está acontecendo em Vilhena a Associação estará ingressando com várias ações judiciais, para que o Estado de Rondônia pague o que devido para os militares.

Lembrando que os gestores também poderão sofrer uma Ação Civil Pública por parte do Ministério Público Estadual, órgão que será devidamente informado pela ASSFAPOM, para que os valores pagos por possíveis indenizações, sejam devolvidos pelos mesmos para os cofres do Estado.

 

Fonte: ASSFAPOM / Edição: Rondoniaemqap

0 thoughts on “Lavador de carro: PMs de RO estão sendo obrigados a lavarem viaturas e sem proteção individual

  1. Caro leitor, é uma denúncia da própria associação da PM que os policiais denunciaram, aqui publicamos o que os servidores da segurança pública denunciam, se eles estão achando errado, cabe a eles qualquer discórdia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *