Contratação emergencial na SEJUS, o que diz o governo para deputados

Secretaria de justiça afirma as contratações para um deputado e nega para outro. (Foto: Edição Rondoniaemqap)

​Uma possível contratação de agentes penitenciários e socioeducadores emergenciais na secretaria de estado de justiça (SEJUS), causou muitos boatos e debates entre servidores e a sociedade em geral, até mesmo um grupo de ex servidores emergenciais, foram buscar apoio para a contratação com o Deputado Maurão de Carvalho (PP).

Mais o que há de verdade em tudo isso? A confirmação que a secretaria iria realmente contratar servidores emergenciais partiu da própria SEJUS, em resposta ao Deputado Léo Moraes (PTB), a secretaria confirmou que estava estudando a viabilidade de contratação de emergenciais, assim como consta no ofício.

Por outro lado, devido a grande repercussão, o Deputado Anderson do Singeperon (PV), também pediu informações sobre a contratação de emergenciais, por ofício a secretaria respondeu totalmente ao contrário do que respodeu ao Léo Moraes, disse que não existe nenhum projeto para a contratação de servidores emergenciais ou concurso público.

Resposta ao ofício do Dep. Anderson do singeperon, sejus afirma que não existe nenhum projeto de contratação de emergenciais e nem de concurso público
 Resposta ao ofício do Dep. Léo Moraes, sejus afirma que vem estudando a viabilidade de contratação de emergenciais

Fonte: Rondoniaemqap

0 thoughts on “Contratação emergencial na SEJUS, o que diz o governo para deputados

  1. https://polldaddy.com/js/rating/rating.jsHá uma contradição no conteúdo desta publicação. Refiro-me aos ofícios, no que tange a sua data de expedição. Visto que o Oficio destinado ao excelentíssimo Dep. Léo Morais, foi expedido em data posterior ao Ofício destinado à Vossa Senhoria, o Dep. Anderson, cabendo assim, votos de estima apreciação ao que consta no Ofício mais recente, datado em 22 de setembro de 2017, encaminhado ao Senhor Dep. Léo Moraes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.