COM DOSSIÊ DE POLÍTICO: Policial Penal atira em presidiário que negou entregar pen drive

No Pen Drive, o qual motivou a fuga do infrator, havia várias informações, sobre a vida da família e locais possivelmente frequentados por um ex-vereador. (Foto: Divulgação).

Um apenado foi alvejado no entardecer desta quinta-feira, 07/01, após fugir da Casa do Albergado, entrar em luta corporal e tentar golpear um Policial Penal com um pedaço de madeira na cabeça na Av. Rio Branco em Ariquemes/RO. Na ação, um suspeito foi preso, por ter desacatado os policiais.

O fato ocorreu, quando os Policiais Penais realizavam revista pessoal ao apenado, para este dar entrada na Casa do Albergado, momento em que foi visualizado que o indivíduo apresentava nervosismo.

Logo após a revista, foi encontrado no apenado 01 porção de Maconha, 01 bilhete contendo dados de uma conta bancária e 01 Pen Drive. Ao ser informado que seria conduzido à Unidade de Segurança Pública (UNISP), pela posse de substância entorpecente e pela proibição da entrada de objetos na Casa, o indivíduo apresentou psicológico alterado e passou a requerer a posse do Pen Drive, sendo que diante da negativa, empreendeu fuga, sentido à porta principal, dando acesso a Rua Caraíbas.

Em ato contínuo, um Policial Penal passou a perseguir o apenado a pé, sendo o indivíduo alcançado na Av. Rio Branco, em um terreno baldio. Foi dada voz de parada ao apenado, porém este desobedeceu as ordens, momento em que o indivíduo partiu em direção do Policial Penal, agredindo o fisicamente com socos e tentando tomar a arma, conseguindo ainda jogar o Policial Penal ao solo.

Um outro Policial Penal  se aproximou do local, mas o individo pegou um pedaço de madeira, na intenção de efetuar um golpe contra a cabeça do Policial Penal. Diante da situação o Policial Penal  que havia caído ao solo, revidou a agressão, efetuando dois disparos de arma de fogo Calibre .40  contra  o apenado, atingindo o membro inferior direito do indivíduo. Rapidamente os Policiais Penais acionaram o Samu e a PM, para se deslocarem até o local.

Já no endereço, a equipe do Samu, realizou os procedimentos de primeiros socorros ao apenado, imobilizando em prancha rígida, com tala de imobilização no membro ferido e utilizando atadura na mão do membro superior direito. Após os procedimentos realizados, o apenado foi conduzido sob escolta, até o Hospital João Paulo II na capital, onde ficou sob cuidados médicos.

No Pen Drive, o qual motivou a fuga do infrator, havia várias informações, sobre a vida da família e locais possivelmente frequentados por um ex-vereador.

Segundo informações, um suspeito, sendo um jovem, foi preso na ação, pois teria desacato os policiais que estavam no local, porém ninguém soube informar se este conhecia o apenado.

Mediante aos fatos e constatações, o pen drive, o bilhete de papel, a susbtância entorpecente e 2 chips de aparelho celular, foram apresentados à Unidade de Segurança Pública (UNISP), onde o Boletim de Ocorrência Policial (BOP) nº 3532/2021 foi registrado, para tomadas de providências cabíveis.

 

Fonte: ARIQUEMES 190

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *