PPF que também é professor de cursinho é investigado pela morte de esposa grávida

A suspeita é que tenha ocorrido feminicídio seguido de suicídio por parte do marido da vítima, o policial penal federal Robson Fachini.

Uma mulher de 33 anos foi morta em casa, nessa segunda-feira (2/11), em Cascavel, no oeste do Paraná. A Polícia Militar paranaense informou que a vítima, identificada como a advogada Vanessa Postal, estava grávida de 3 meses e apresentava marcas de disparos de arma de fogo.

A suspeita é de feminicídio seguido de suicídio por parte do marido, o policial penal federal Robson Fachini, 39 anos. Ele também foi encontrado sem vida ao lado da mulher.

Além de policial, Robson era professor de direito no cursinho preparatório para concursos AlfaCon e digital influenciar na área, com mais de 24 mil seguidores nas redes sociais. As informações são do Uol.

No Instagram, a AlfaCon afirmou que sabe da morte de um dos professores da instituição e que “está no aguardo de mais informações sobre o ocorrido”. “Nossos sinceros sentimentos às famílias neste momento difícil”, destacou.

 

Fonte: Metropoles

Categorias:Geral e Cotidiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s