Projeto proíbe soltura de presos por risco de infecção por coronavírus

Sanderson: Não podemos autorizar que a pandemia do coronavírus no país seja agravada pelo desencarceramento em massa.

O Projeto de Lei 1331/20 proíbe a concessão de liberdade provisória ou de prisão domiciliar motivada pelos efeitos da pandemia de Covid-19 no Brasil. O texto em análise na Câmara dos Deputados altera o Código de Processo Penal e se aplica também ao menor de idade internado em estabelecimentos penais ou socioeducativos.

Segundo o texto, presos ou internos diagnosticados com Covid-19 deverão ser tratados, preferencialmente, em instalações hospitalares ou ambulatoriais do próprio sistema prisional.

“Não podemos autorizar que a grave situação da pandemia do coronavírus no país seja agravada pelo desencarceramento em massa, que certamente contribuirá para uma maior sensação de insegurança da população e desprestígio da Justiça”, diz o autor do projeto, deputado Sanderson (PSL-RS).

Segundo o deputado, no Rio Grande do Sul mais de 3,4 mil presos foram colocados em liberdade utilizando a pandemia do coronavírus como argumento.

 

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *