GGP da SEJUS/RO não aceita nomenclatura de Policial Penal e solicita correção

O Congresso Nacional promulgou em sessão solene, a Emenda Constitucional (EC) 104, que cria a Polícia Penal no Brasil.

As polêmicas envolvendo a mais nova polícia do Brasil não param, dessa vez, a Gerência de Gestão de Pessoas – GGP da Secretaria de Estado da Justiça – SEJUS de Rondônia, não aceitou as folhas de frequência de servidores do Presídio Jorge Thiago Afonso (603), de Porto Velho, que constava a nomenclatura Policial Penal.

A responsável pelo GGP/SEJUS, Elene Oliveira, alegou que não havia recebido nenhuma documentação oficial no que diz respeito a regulamentação estadual da nomenclatura de Agente Penitenciário para Policial Penal.

Diante disso, solicitou que fosse feita a correção com a máxima urgência, na mensagem, Elene disse que quando for notificada quanto a nova nomenclatura do cargo, encaminhará um memorando circular solicitando a mudança.

 

Fonte: Rondoniaemqap

Categorias:Geral

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s