Matador de sargento se entrega em meio a caçada e diz que está com medo de morrer

Joelson disse em depoimento que se entregou porque estava com medo de morrer.

Em meio à caçada, Joelson Ferreira Soares Pires, 23, um dos suspeitos de matar o sargento da Polícia Militar, se entregou espontaneamente na madrugada deste domingo (23), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), na zona Leste de Manaus.

Após assinar o mandado de prisão que está em nome dele, Joelson foi recolhido para uma das celas, onde passou toda a noite. Na manhã deste domingo, o preso será conduzido ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM). Joelson disse em depoimento que se entregou porque estava com medo de morrer.

Ele chegou à sede da Delegacia portando uma Bíblia debaixo do braço. Joelson era considerado foragido após a Justiça mandar prender, de forma preventiva, ainda no sábado (22), ele, Marclei Morais de Souza, 20, e Charles Sanches Morais, 27, suspeitos de matar o sargento da Polícia Militar, Luís Carlos da Silva, 56. O trio havia sido posto em liberdade em audiência de custódia na sexta-feira (21).

Operação A Polícia Militar deflagrou a “Operação Águia” ainda na noite deste sábado, com o objetivo de encontrar e prender os suspeitos pelo assassinato do sargento. A polícia ainda procura Marclei e Charles, que estão foragidos.

Quem souber de informações a respeito do paradeiro dos suspeitos pode ligar no 190.

 

 

Fonte: Portal Marcos Santos

Categorias:Geral

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s