Criminoso que matou irmã de apresentador na capital é preso na zona leste

O foragido identificado como Maurílio Paiva, vulgo “Pacheco”, foi recapturado no início da tarde desta quarta-feira (22), na Zona Leste de Porto Velho por uma guarnição do 5° Batalhão. Ele havia fugido recentemente da Penitenciária Estadual Aruana, na Capital, onde cumpria condenação por participação no bárbaro assassinato  de Jaqueline Naiara Costa Guedes, irmã do jornalista Rosinaldo Guedes, apresentador do programa Plantão de Polícia da Redetv/RO. “Pacheco”, cumpria pena de 12 anos de reclusão, e estava preso desde setembro de 2014. O Crime Na madrugada do dia 26 de Janeiro de 2014, Jaqueline Naiara Costa Guedes, de 28 anos, caminhava sozinha na rua em direção à sua residência, ao retornar de uma festa de aniversário, quando, no meio do caminho, “Pacheco” a perseguiu e a imobilizou. Na tarde do mesmo dia, o corpo de Jaqueline foi encontrado em um terreno baldio no Bairro Cascalheira, Zona Leste da capital. Ela foi violentada, estrangulada, espancada e teve as mãos amarradas para trás. O crime ganhou repercussão na imprensa rondoniense e chocou a sociedade.
O criminoso fugiu, porém, após cerca de 8 meses após o brutal crime, o delinquente acabou sendo localizado e preso na noite do dia 23 de setembro de 2014, no município de Ariquemes. Ele estava usando nome falso de Antônio Rodrigues dos Santos Lopes, o que teria dificultado sua prisão. Já nesta quarta-feira, Maurílio foi novamente recapturado, sendo desta vez por uma guarnição do 5° BPM, sob o comando do Cabo V. Mendes.O foragido identificado como Maurílio Paiva, vulgo “Pacheco”, foi recapturado no início da tarde desta quarta-feira (22), na Zona Leste de Porto Velho por uma guarnição do 5° Batalhão. Ele havia fugido recentemente da Penitenciária Estadual Aruana, na Capital, onde cumpria condenação por participação no bárbaro assassinato  de Jaqueline Naiara Costa Guedes, irmã do jornalista Rosinaldo Guedes, apresentador do programa Plantão de Polícia da Redetv/RO. “Pacheco”, cumpria pena de 12 anos de reclusão, e estava preso desde setembro de 2014.
O Crime
Na madrugada do dia 26 de Janeiro de 2014, Jaqueline Naiara Costa Guedes, de 28 anos, caminhava sozinha na rua em direção à sua residência, ao retornar de uma festa de aniversário, quando, no meio do caminho, “Pacheco” a perseguiu e a imobilizou. Na tarde do mesmo dia, o corpo de Jaqueline foi encontrado em um terreno baldio no Bairro Cascalheira, Zona Leste da capital. Ela foi violentada, estrangulada, espancada e teve as mãos amarradas para trás. O crime ganhou repercussão na imprensa rondoniense e chocou a sociedade. O criminoso fugiu, porém, após cerca de 8 meses após o brutal crime, o delinquente acabou sendo localizado e preso na noite do dia 23 de setembro de 2014, no município de Ariquemes.
Ele estava usando nome falso de Antônio Rodrigues dos Santos Lopes, o que teria dificultado sua prisão. Já nesta quarta-feira, Maurílio foi novamente recapturado, sendo desta vez por uma guarnição do 5° BPM, sob o comando do Cabo V. Mendes.do dia 23 de setembro de 2014, no município de Ariquemes. Ele estava usando nome falso de Antônio Rodrigues dos Santos Lopes, o que teria dificultado sua prisão. Já nesta quarta-feira, Maurílio foi novamente recapturado, sendo desta vez por uma guarnição do 5° BPM, sob o comando do Cabo V. Mendes.
Fonte: alertarondonia

Anúncios

Categorias:Sistema Prisional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s