Agentes penitenciários são agredidos dentro de unidade prisional em porto velho

image

Conforme Ocorrência Policial de N 2790-2016 por volta das 11h30min horas no dia 16/04/2016, a visitante AAMILI GUSMÃO DE SOUZA, ao passar pelo procedimento de revista para visitar seu marido, o apenado LUIZ HENRIQUE DE OLIVEIRA ANDRADE, que se encontra preso no presídio Edivan Mariano Rosendo (URSO PANDA) em porto velho.

Quando a visitante passou pelo portal foi pedido à carteirinha de visitante da mesma para que ela adentrasse ao recinto, a agente ao pedir os documentos da mesma foi perguntado se ela tinha mais alguma coisa em sua posse, a mesma respondeu que não, tendo em vista que a mesma ficou muito nervosa, foi perguntado novamente se tinha algo em sua posse tornando responder que não, depois disso a visitante foi convidada a fazer o procedimento de revista pessoal, encaminhada para a revista foi encontrado a quantia de 114,00 (cento e quatorze reais) em suas vestes, sendo que é proibida a entrada de dinheiro naquela unidade prisional, foi comunicado a mesma que sua visita estava suspensa tendo como base a má fé da mesma, já que a visitante já visita há muito tempo.

Foi comunicado o ocorrido ao chefe de segurança, onde mesmo informou a visitante que a visita da mesma estava suspensa, e pedindo para a mesma se retirasse da unidade, foi quando a visitante passou a ameaçar a servidora de morte “ se ela não fizesse iria mandar alguém fazer”, e desacatando os servidores presentes e vindo posteriormente agredir fisicamente os Agentes Penitenciários de iniciais E.M e G.C.

O caos no sistema penitenciário de Rondônia está tomando proporções perigosas, onde o Estado não pode perder o controle dos presídios para o crime organizado e facções que vem se instalando com mais força, além de colocarem suas vidas em risco, e o com a mudança de escala irresponsável, fragilizando a segurança dos complexos prisionais, os atuais gestores da SEJUS não se preocupam com a situação de risco que estes servidores sofrem todos os dias, estes servidores que também são seres humanos, que são massacrados e confundidos com a escória que cuidam, confundidos injustamente.“

O descaso com o sistema penitenciário não é apenas para com os servidores e sim com todo o funcionamento das unidades” desabafou um servidor que também não quis se identificar temendo represálias.

 

 

 

image

image

image

FONTE: AASSPEN-RO

Anúncios

Categorias:Sistema Prisional

1 resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s